Poder e Aura -

“Poder e Aura”,

expressão que nomeia esta exposição, é o título de uma série de pinturas realizadas entre 2018 e 2020 da artista carioca Cibelle Arcanjo, criada no Morro do Preventório em Niterói. Tal série corresponde à sua pesquisa teórica e prática de conclusão de curso em Pintura na Universidade Federal do Rio de Janeiro, portanto abarca em seu conjunto um profundo pensamento da artista em torno aos temas estudados e às suas formas de representação através da pintura simbólica e figurativa.

Por meio da apropriação de imagens difundidas nas mídias de massa, Cibelle Arcanjo trata de dois temas delicados e incômodos que atravessam menos ou mais a realidade de moradoras e moradores do estado do Rio de Janeiro: a cultura da violência e a política de repressão e morte. No entanto, seu estudo não se centra unicamente nesse território, a artista evidencia a ação e a autoridade do imperialismo norte-americano em seus imaginários e realidades locais.

Quando penso sobre as duas palavras que compõem o título da série e da exposição: “poder” e “aura”, pergunto-me se elas se referem aos atributos da imagem ou aos signos bélicos representados por Cibelle Arcanjo. A resposta é que tais palavras podem se vincular à circulação e ao consumo de imagens da sociedade ocidental contemporânea tanto como ao culto pelo imaginário bélico. Do mesmo modo, na trincheira em que a pesquisa de Cibelle Arcanjo se localiza, outras palavras também mudam de sentido a depender de qual lado as vocalizam. A “luta”, esse substantivo feminino importante de se evocar, pode criar ficções tão elaboradas quanto as da imagem. Quem guerreia luta contra… “as drogas”? “o inimigo”? Existem fins para a guerra? As obras de Cibelle Arcanjo manifestam que os fins se confundem com os meios e os signos se confundem com os corpos – em Todo poderoso (2019) um corpo é transformado em arma.

No Natal do pequeno cowboy (2018), no Picnic (2018) e na Hora em família (original: Family time, 2018) as crianças jogam o “faz-de-conta” de heróis e vilões, de todo poderoso e inimigo. A representação dessas encenações infantis escapa da exposição de imagens literais para abordar a morte e a violência e complexifica tais narrativas até o ponto do envolvimento do/a espectador/a não pela comoção, mas pelo dever do pensamento crítico. Nesse sentido, em Cromofobia (2018) as forças de repressão cerceiam uma brincadeira de crianças. A presença velada (de canto do quadro) junto ao contraste das cores com a paleta do preto e branco abrem uma denúncia e um convite à reflexão sobre as polícias e o Estado racistas e assassinos que matam e deixam morrer a juventude vulnerabilizada.

Em Cromofobia, assim como no objeto A guerra ou tributo a Raoul Servais (2019), Cibelle Arcanjo sugere a existência de um “medo das cores” por parte das forças de repressão. Formulo, desde tal perspectiva, que sobreviver em territórios armados exige se proteger pelas cores. Mais que um recurso para “seguir viva”, proponho vincular as cores à defesa da vida comum e ao entendimento de “poder” enquanto um ato social de força coletiva e soberania – o que (nos) permite pensar em uma “cromofilia” como o caminho para um outro modelo de vida e um outro conceito de segurança.

Joyce Delfim
Curadora

TOUR VIRTUAL 3D

Galeria

Websérie

Poder e Aura – Quadro a quadro

Para a galeria abaixo, a artista produziu vídeos onde comenta as obras expostas, quadro a quadro, como em uma visita guiada. Trazendo mais ideias que envolvem suas criações, convidando o espectador à reflexão

LEGENDADOS

FICHA  TÉCNICA
Este projeto foi contemplado e viabilizado pelo edital público municipal 07/2019
de fomento às artes lançado em 2019 pela Fundação de Arte de Niterói,
secretaria municipal das culturas de niterói e prefeitura municipal de niterói

artista visual

cibelle arcanjo

Nascida em 1992
criada no Morro do Preventório
Niterói / Rio de Janeiro / Brasil

Formação

Bacharelado em Pintura
pela Escola de Belas Artes da
Universidade Federal do
Rio de Janeiro (EBA/UFRJ)

Exposições

 

2019
Serendipity (coletiva)
C. Galeria, Jardim Botânico
Rio de Janeiro / RJ
Multiverso em desalinho (coletiva)

Galera Caixa Preta, Botafogo
Rio de Janeiro / RJ

Imóvel (coletiva), @_imovel
Ipanema, Rio de Janeiro / RJ

A Caminho da Babel (coletiva)
Cúpula do Caminho Niemeyer
Niterói / RJ

Patifaria (coletiva)
Escola de Belas Artes da UFRJ
Rio de Janeiro/RJ

2020

Patifaria – 2ª edição (coletiva)
Espaço Poético Titocar
Maricá/RJ

Sal60 (coletiva), online
disponível em: www.sal60.com.br

2021

Poder e Aura (individual), online
disponível em: cibellearcanjo.com/podereaura

artista visual

cibelle arcanjo

Nascida em 1992
criada no Morro do Preventório
Niterói / Rio de Janeiro / Brasil

Formação

Bacharelado em Pintura
pela Escola de Belas Artes da
Universidade Federal do
Rio de Janeiro (EBA/UFRJ)

Exposições

2019
Serendipity (coletiva)
C. Galeria, Jardim Botânico
Rio de Janeiro / RJ
Multiverso em desalinho (coletiva)

Galera Caixa Preta, Botafogo
Rio de Janeiro / RJ

Imóvel (coletiva), @_imovel
Ipanema, Rio de Janeiro / RJ

A Caminho da Babel (coletiva)
Cúpula do Caminho Niemeyer
Niterói / RJ

Patifaria (coletiva)
Escola de Belas Artes da UFRJ
Rio de Janeiro/RJ

2020
Patifaria – 2ª edição (coletiva)
Espaço Poético Titocar
Maricá/RJ

Sal60 (coletiva), online
disponível em: www.sal60.com.br

2021

Poder e Aura (individual), online
disponível em: cibellearcanjo.com/podereaura

artista visual

cibelle arcanjo

Nascida em 1992
criada no Morro do Preventório
Niterói / Rio de Janeiro / Brasil

Formação

Bacharelado em Pintura
pela Escola de Belas Artes da
Universidade Federal do
Rio de Janeiro (EBA/UFRJ)

Exposições

2019
Serendipity (coletiva)
C. Galeria, Jardim Botânico
Rio de Janeiro / RJ
Multiverso em desalinho (coletiva)

Galera Caixa Preta, Botafogo
Rio de Janeiro / RJ

Imóvel (coletiva), @_imovel
Ipanema, Rio de Janeiro / RJ

A Caminho da Babel (coletiva)
Cúpula do Caminho Niemeyer
Niterói / RJ

Patifaria (coletiva)
Escola de Belas Artes da UFRJ
Rio de Janeiro/RJ

2020
Patifaria – 2ª edição (coletiva)
Espaço Poético Titocar
Maricá/RJ

Sal60 (coletiva), online
disponível em: www.sal60.com.br

2021

Poder e Aura (individual), online
disponível em: cibellearcanjo.com/podereaura

O QUE ACHOU DA EXPOSIÇÃO?

Deixe aqui seu comentário, críticas e sugestões

5 3 votos
Avaliação
Subscribe
Notify of
guest
4 Comentários
Most Voted
Newest Oldest
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários
joe inoue
joe inoue
20 de Janeiro, 2021 20:49

Parabéns Cibelle! Sua arte e visão inteligente mostra a situação real do Brasil.
Que bom que ainda existe pessoas com talento magnífico.
O quadro que me trás lembranças quando eu era criança é o “Culto da ilusão”, eu via os adolescente aqui do bairro brincando e encenando igual a esse quadro, e eu queria também mas minha mãe brigava muito comigo hahah.
Obrigado Mãe por brigar comigo naquela época (é o que eu sempre falo pra ela hoje aos meus 29 anos).

Última edição 9 meses atrás por joe inoue
Cibelle Arcanjo
Cibelle Arcanjo
Responder a  joe inoue
24 de Janeiro, 2021 13:30

Muito obrigada Joe! Eles são reflexo disso também! Muito interessante essa tua memória. O que se faz em grupo sem raciocínio e discernimento, só por imitação para se sentir aceito, não é? A gente sempre acaba reproduzindo comportamentos que nem tem a ver conosco e o que acreditamos. É preciso estar atento. Obrigada pela partilha!

Gustavo
Gustavo
20 de Janeiro, 2021 20:49

Parabéns Cibelle! Suas obras são bem bonitas e reflexivas. Estou acompanhando a exposição, está bem legal. Good Job. Que as pessoas reflitam nas obras. A temática is very Nice! Que você inspire as pessoas com suas análises artísticas e sociais.

É o comentário do seu primo Gustavo Arcanjo.

Good Lucky for you.

Cibelle Arcanjo
Cibelle Arcanjo
Responder a  Gustavo
24 de Janeiro, 2021 10:12

Gustavinho, primo querido, gratidão pelas suas palavras, vc é muito inteligente, tenho muito orgulho de você! Fico muitoooo feliz por vc e tia Lene estarem acompanhando de perto meus trabalhos e sempre dando força, incentivo, interessados em saber mais. Mto obrigada! E vc tá arrasando no inglês! Tb quero! ahahah

cibelle arcanjo

Artista visual

cibelle arcanjo

Artista visual